3. Baby and me (K-movie)

Estou na saga de assistir todas as participações de Jang Geun Suk em filmes e dramas. tsc. Vi Baby and me e achei realmente estava de volta à minha época do ensino fundamental em que eu voltava para casa da escola e assistia a Sessão da Tarde. Bons tempos. Só que agora a diferença é que voltando para casa assisto dramas legendados às duas da manhã. Sad.

Esse é um filme que mais senti a semelhança com aqueles filmes de comédia com Adam Sandler que seguem aquele padrão de rir-chorar-rir-chorar-rir, ou seja, situações engraçadas/inusitadas e momentos de drama, situações engraçadas/inusitadas e momentos de drama, situações engraçadas/inusitadas e momentos de drama…

O filme conta uma história comum aos nossos olhos de padrão comédia americana em que um garoto de colegial irresponsável mas coração mole, que só se mete em brigas e têm má conduta na escola, que (com a fuga de seus próprios pais de casa) ele vai ao supermercado sozinho e se depara com um bebê no seu carrinho e um bilhete dizendo que o filho é dele.

Com isso ele tem que bancar o pai e aprende a lidar com a situação, criando afeição pelo bebê e responsabilidade de trabalhar, assistir às aulas e cuidar da criança. Temos também um draminha (se é que se pode chamar de drama) com seus pais, seu pai é um homem rígido que diz coisas severas, mas que no fim é quem apoia o filho a cuidar da criança (quando volta pra casa) e sabemos que a mãe de Joon Soo o abandonou da mesma forma na porta da casa de seu pai (confuso).

Joon Soo começa a procurar quem é a mãe da criança e é diferente como o filme começa: com ele e os amigos procurando uma mulher para perguntar se ela teria leite para dar. Também é interessante quando Joon Soo tem a possibilidade de abandonar o bebê mas sua consciência não o deixa. E em outro momento Joon Soo vai à escola e tenta colocar seu bebê no armário para assistir às aulas…

No final nós sabemos que o filho é de um amigo pobre de Joon Soo que achou melhor deixar o filho com Joon Soo que teria mais condições para criá-lo. Kim Byul é Kim Byul (vdd) a garota que quando viu Joon Soo fez tudo o que faríamos quando estivéssemos frente a frente com Jang Geun Suk (ou não?) com direito a tirar uma foto dele no celular e dizer: “meu número de telefone é”. (Para mim essa é a melhor cena do filme):

Kim Byul é uma garota muito inteligente, muito mesmo, que desistiu de ir à escola exatamente por isso, por ser diferente. Mas por ter conhecido Geun Suk oops Joon Soo ela decidiu voltar a estudar (nada mais natural). É um filme muito s2 (lê-se éssedois), não tão ruim assim, que você pode simplesmente tirar algum prazer de um filme leve e engraçadinho com muitos closes de Jang Geun Suk (recomendo). Eu achei que teria mais romance entre os dois mas não teve nada. E já que não tenho mais nada a dizer e também não tenho mais o que fazer, só para garantir que posto vou encher de foto:

*** Conforme solicitado estou disponibilizando para download: Parte 1 e Parte 2(mediafire – rmvb)

Deixe uma resposta